Textos


Prelúdio Primaveril

Amanheceu renovada.
Sorriu para a janela entreaberta e
a escancarou para a vida.
Agradecida,
cumprimentou o Sol e as margaridas
que,
altivas,
salpicavam o jardim.
Ao beija-flor
ofereceu
um cálice do néctar essencial
colhido no amanhecer.
Afinal,
apresentava-se a primavera
numa bandeja de pétalas
que se insinuava entre
fontes e ninhos,
algazarra de passarinhos
e nas alcovas dos amores desavisados.
 
Rogoldoni
04 09 2018

 
rosangelaSgoldoni
Enviado por rosangelaSgoldoni em 05/09/2018
Alterado em 05/09/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr